Vídeo da palestra “Roll The Dice!” e minha pequena aventura ao legendá-lo

No dia 11 de outubro de 2016, o Laboratório de Mídias Digitais (LMD/Uerj) recebeu a visita de Pedro Nunes De Araújo, publicitário, especialista em jogos e assíduo jogador, para trocar experiências com os integrantes do grupo do CiberCog e demais interessados sobre o universo dos jogos de tabuleiro na palestra Roll the dice! Como jogos de tabuleiro podem ser parte importante do ensino.

Na palestra, disponível abaixo e no nosso canal no YouTube, Pedro Araújo compartilha a experiência dele com os Board Games desde o início da sua jornada como jogador até o seu projeto com a turma de calouros do curso de Relações Internacionais, da Unilasalle em Niterói. Projeto este que buscou uma experiência lúdica de aprendizagem, usando os jogos de diversos temas, dentre eles o de Game of Thrones. O publicitário detalha as dificuldades de seu projeto e como conseguiu superá-los. Ele também deu dicas para aqueles que desejam desenvolver um jogo de tabuleiro voltado para o ensino-aprendizagem, como é o projeto do grupo Cibercog.

Roll the Dice e assista essa palestra super bacana! Dica de ouro – habilitem a legenda para uma melhor experiência:

Caros leitores, quero compartilhar a minha aventura para entregar a vocês esse vídeo com legenda. Por isso, agora vocês poderão conferir o meu relato sobre a experiência de legendar um vídeo para o YouTube:

Essa foi a primeira vez que legendei um vídeo para o YouTube, eu, Kerolayne Marinho, bolsista CNPq de Iniciação Científica e estudante do 3° período de Relações Públicas na UERJ, não cogitei a possibilidade de ser algo tão trabalhoso. Primeiro, como vocês podem ter percebido o áudio está extremamente baixo, por isso constatamos que era necessário colocar legenda para facilitar o acesso. Assim, o meu trabalho foi dificultado pelo referido som baixíssimo, as gírias e as repetições, as frases que falamos sem nem mesmo perceber (e que não fazem o menor sentido quando são lidos) em suma, tudo que carregamos de forma natural no nosso vocabulário falado.

Legendar 10 minutos levou pelo menos 3 horas (para uma iniciante como eu) e prestem atenção para que o YouTube é uma plataforma com um sistema de legendagem bem simples – ele gerou a legenda inicial, que estava péssima, e eu fui incumbida de revisar T-U-D-I-N-H-O! Cansa demais se esforçar ao máximo para conseguir ouvir e entender o que Pedro dizia, pois o áudio teve alguns problemas, e os nomes dos jogos eram difíceis e na maioria das vezes eu nunca ao menos tinha ouvido falar deles. rsrs

Apesar de tudo isso, no fim desse vídeo eu não só fiquei com vontade de sair comprando todos os jogos que o Pedro Araújo indicou, como me senti quase uma especialista em board games (rsrs). Enfim, ouvir tantas vezes a mesma palestra me fez entender muito melhor o que ele quis passar sobre esse universo, contudo, tenho que confessar que no fim eu não aguentava mais a voz dele, desculpa, Pedro, mas acho que nem você aguentaria se tivesse passado pela minha experiência… hehehe. Fora isso, quero registrar mais uma vez que aprendi muito com a sua experiência.

Além disso, respeito mais as pessoas que legendam séries, animes e filmes, inclusive as que fazem isso DE GRAÇA, simplesmente porque amam fazer isso. Essas pessoas merecem nosso respeito porque é muito cansativo legendar mas no final, vale a pena! 

Vocês conhecem uma forma mais simples de fazer isso? Compartilha com a gente!! <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *